Devaneando: A Escritora

14 setembro 2014


Em toda e qualquer mente, inclusive na sua, existe um mundo mágico e secreto, um mundo onde acontecem coisas que desafiam qualquer lei humana e física.

Eu mesma tenho meu próprio mundo, porém, encontrei um jeito de fazê-lo se tornar real, de certa forma.

Quando coloco minhas ideias no papel, já não são somente letras e palavras em um caderno, são histórias de vidas inteiras em apenas algumas páginas, histórias que se criam sozinhas. E assim, de repente, não sou apenas eu, posso ser quem e o que eu quiser, posso desafiar o que é real do modo que me vier a mente

Cada pessoa que crio contém algum traço meu, é verdade, mas cada um tem sua própria história, sua própria personalidade, seu próprio tempo, sua própria vida.

E foi em meio a um pedaço de papel e uma caneta preta, ou em uma tela em branco de um computador, onde encontrei o modo de criar meu próprio mundo, um mundo único onde viajo para diversos lugares, porém, nunca sozinha, pois convido os outros a viajarem comigo.

2 comentários:

  1. Ah Lu, acredito e sei tudo o que você acabou de escrever, essa vontade, esse amor pela escrita e por esse mundo paralelo eu compartilho. E o melhor, compartilho contigo! Se você soubesse como escreve bem, como é linda sua escrita. Nunca deixe de escrever, nunca...

    ResponderExcluir
  2. É tipo isso pessoas que escrevem, falando sobre escrever... sempre é lindo!
    Beijos!
    www.yarasousa.com

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.